A propaganda é um dos meios de comunicação mais usada atualmente e desde sempre, sofrendo varias alterações durante os anos

De forma geral, a propaganda ou publicidade visa sempre procurar informar o seu consumidor sobre o produto exposto, incitando o seu consumo. Pode ser interpretada como uma técnica para convencer, persuadir e seduzir, o consumidor a consumir alguma coisa que até o momento ele desconhecia, mostrando ao possível cliente as vantagens de seu produto.

Publicidade comercial e publicidade institucional

Os meios de comunicação mais utilizados para as publicidades atualmente são internet, televisão radio, outdoors e imprensa escrita. Em todo o lugar você pode encontrar a propaganda de alguma coisa, basta olhar para fora do carro para se deparar com varias propagandas ou ligar uma televisão.

Existem muitas empresas que utilizam a publicidade como uma técnica indispensável para a comunicação, que a cada dia se torna mais importante no mundo para atender objetivos de curto ou médio prazo.

Publicidade comercial

Em primeiro lugar, a publicidade comercial é uma forma de comunicação que tenta persuadir um segmento de mercado a promover, direta ou indiretamente, a contratação ou compra de bens, produtos e serviços. Destina-se também a vendedores atacadistas ou varejistas ou agências de vendas através das quais eles vendem um produto. De acordo com o objetivo da mensagem, a publicidade pode ser: Ação direta (gera comportamento imediato) e indireta (estimula a demanda por um período prolongado, sua finalidade é informar ou lembrar).

publicidade comercial é aquela que mais nos rodeia e que nos incentiva diretamente à compra. Através de métodos de persuasão, o consumidor é convencido a adquirir um determinado produto ou serviço (exemplos: automóveis, espetáculos de cinema, viagens, etc.).

Consideração deve ser dada a este tipo de campanha publicitária, uma vez que uma falha em sua publicação pode defraudar a reputação da empresa-organização que está se mostrando implicitamente.

Publicidade institucional

Por sua vez, a publicidade institucional destina-se, sobretudo, a alertar os consumidores para determinados aspectos da vida em sociedade, nomeadamente os de prevenção e implementação de regras de vida ( exemplo: campanhas de solidariedade, de prevenção da Sida, etc.).

Assim podemos dizer que a Publicidade Institucional são ações de comunicação realizadas em espaços remunerados, nos meios de comunicação de massa como: rádio, imprensa, televisão; onde os recursos de publicidade são usados. Seu objetivo é diferente da venda de bens, produtos ou serviços. Um exemplo muito claro dessa publicidade é encontrado na Coca-Cola, Hp, porque essas marcas são altamente posicionadas tanto no topo quanto no topo do grupo alvo e, para elas, não é necessário fazer outras propagandas. Uma das vantagens de usá-lo é que o emissor fala de si mesmo, que essa propaganda é feita por empresas cuja marca e cujo poder de recall é muito forte, porque a empresa se torna uma instituição (além de fazer o que fala e diz quem faz e por quê).

O aspecto da publicidade é essencial para qualquer negócio porque predispõe uma determinada pessoa ou grupo a comprar um produto ou fazer uso de um serviço. Embora essa publicidade dependa da finalidade com a qual você a faz, de acordo com esse parâmetro, você escolherá a melhor publicidade que atenda às suas necessidades.

Dada a situação que você escolher, a publicidade institucional lembre-se de que se destina a mudar o comportamento ou o comportamento dos cidadãos, enquanto a publicidade comercial apresenta anúncios em todos os lugares para promover o consumo de um produto ou o uso de um serviço.

Tipos de publicidade … Quais são eles?

A publicidade é complexa porque muitos anunciantes diferentes tentam alcançar muitos tipos diferentes de público. Ao considerar essas diversas situações de publicidade, sete tipos principais de publicidade são identificados.

  1. Publicidade de marca: focada no desenvolvimento e recall da marca a longo prazo, não promove nenhum produto específico, mas a marca em geral.
  2. Publicidade local ou de varejo: envia uma mensagem com produtos ou ofertas de uma área geográfica específica e tende a se concentrar em estimular o trânsito pela loja e criar uma imagem distintiva do varejista.
  3. Publicidade de resposta direta: usa qualquer meio de publicidade, mas a mensagem é diferente da publicidade nacional ou de varejo, já que se concentra em causar uma venda diretamente. São amplamente utilizados por mala direta, telemarketing, e-mail, entre outros; e o consumidor pode responder pelos mesmos meios pelos quais lhe foi enviado.
  4. Business to business publicidade: Também chamado de business to business (B2B), este é o que é enviado de um negócio para outro. Geralmente inclui mensagens endereçadas a empresas que distribuem produtos, bem como compradores industriais e profissionais; Isto é comumente colocado em publicações profissionais ou revistas, uma vez que não é dirigido ao consumidor em geral.
  5. Publicidade institucional: É também chamada de publicidade corporativa e se concentra em estabelecer uma identidade corporativa ou ganhar o público do ponto de vista da organização.
  6. Publicidade sem fins lucrativos: Os anunciantes desta publicidade são organizações sem fins lucrativos, fundações, associações, instituições de caridade, instituições religiosas, entre outros. E as mensagens que transmitem são principalmente participação em programas de caridade ou incentivo a doações.
  7. Publicidade de serviço público: mensagens de serviço público comunicam uma mensagem em favor de uma boa causa, como parar de dirigir embriagado ou evitar abuso infantil. Esses anúncios geralmente são criados gratuitamente por profissionais de publicidade e a mídia costuma doar seu tempo e espaço.

Assim, com o exposto, podemos ver que não existe um único tipo de publicidade, mas esta é uma indústria grande e variada. Mas lembre-se de que todos os tipos de publicidade exigem mensagens criativas e originais estrategicamente sólidas e bem executadas.